O que fazer quando a vida sexual a dois esfria

Relacionamentos não são apenas sexo, mas todos concordam que a relação sexual está na base da felicidade conjugal. O fato é que como homens e mulheres veem o sexo de forma diferente, é fácil que com o tempo, o ardor dos primeiros anos diminua, e o casal acabe por se afastar um pouco sexualmente.

Estudos mostram que 1 em cada 3 mulheres não se importa muito com o sexo, enquanto nos homens, este número é de 1 em cada 6. O estudo aponta ainda um dos motivos pelos quais as mulheres deixam de gostar de sexo: é porque o sexo que recebem não é bem aquele que gostariam.

Para entender melhor este problema e resolver a questão antes que se torne mais grave, trouxemos algumas dicas que podem ajudar tanto os homens quanto as mulheres a se conectarem melhor com seu parceiro. Conhecimento é a chave, não é mesmo?

  • O que os homens esperam do sexo: homens são mais físicos e visuais. Não se trata de ver o corpo perfeito, mas sim, da visão do sexo em si. É comum que eles também se excitem com a lembrança do ato mesmo tempos depois de terem terminado.
  • O que as mulheres esperam do sexo: a mulher precisa de mais proximidade emocional, e um contato físico mais carinhoso. A excitação da mulher é mais lenta que a do homem, e dura por mais tempo.
  • O que o casal espera do sexo: uma vida amorosa, calorosa, íntima, divertida e prazerosa com o seu parceiro de vida.

Se a vida sexual esfria,

Se a vida sexual esfria, a causa pode estar além da cama

Os sinais para que você possa perceber que está ocorrendo algum problema são vários, mas você sempre deve estar atento a:

1. Cuidados com a saúde

Entre as várias outras causas, que podem minar o desejo, e que valem ser observadas para manter a saúde sexual do casal sempre em ordem, a mais comum ocorre quando o corpo não está bem. Há algumas coisas invisíveis podem causar a perda da libido masculina, como fumo, pressão arterial alta, alcoolismo. Os homens têm uma relação muito direta entre estresse e dificuldades de ereção.

Falta de vitaminas B12 e D também podem ocasionar em disfunção erétil nos homens. Para as mulheres, o nascimento de um bebê pode diminuir a libido por questões hormonais, e antidepressivos podem causar além da perda do desejo, um ressecamento que pode aumentar a falta de desejo.

2. Falta de romance

Todo mundo gosta de se sentir querido, e isto vale para eles e para elas. O romance faz mais do que apimentar a relação, ele estreita os laços, tornando os dois mais cumplices. É nas horas de namoro ao pé do ouvido, nem sempre na cama, que o carinho se fortalece, e o desejo surge. Romance inclui ainda passeios de mãos dadas e jantar à luz de velas, sempre que puder.

3. Medicamentos

Assim como medicação para depressão pode acabar com o desejo feminino, remédios para diabetes, hipertensão e colesterol tem um efeito parecido nos homens. Se você começou a tomar algum medicamento e percebeu que não tem mais tanto desejo quanto antes, é bom consultar um médico e ver se ele pode trocar a receita.

4. Diminuição da vaidade

Ocorre dos dois lados. Durante o namoro é comum que o casal se arrume mais antes de e ver, que ambos queiram estar limpinhos e perfumados, com a roupa mais bonita, o cabelo no penteado certo, unhas feitas, dentes escovados e até, sem chulé.

Depois de algum tempo juntos, estes detalhes parecem ir se perdendo, e a intimidade dá lugar também ao que há de menos elegante no outro. Tudo bem que não é preciso ter sempre cara de quem acabou de sair do salão de beleza, mas cuidar para que o outro sempre nos encontre bem, é uma questão de amor próprio. E, faz o desejo se manter aceso.

5. Achar que só o seu lado importa

Que as mulheres são mais lentas para atingir o orgasmo, todos sabemos. Mas a questão aqui é não fazer da vontade de um dos dois, a lei. Sexo bom é aquele em que ambos terminam no empate, pelo menos, de um a um.

Quando apenas o homem consegue gozar, e pronto, ela vai sentir que ficou perdendo, e logo vai deixar de lado a ideia de fazer sexo. Quando toda relação termina quando ela goza e ele fica a ver navios – acontece – ele também vai se sentir menos motivado. O ideal é que ambos descubram o que dá prazer um ao outro e que invistam nesta descoberta.

Não existe fórmula mágica

Não tem uma formula mágica, o que não pode acabar é a vontade de estar junto e o desejo de descobrir coisas novas. Há muito o que fazer, ainda mais se vocês se gostam e querem passar o resto da vida juntinhos.

Deixe uma resposta